Escolas EAD diminuem índices de desemprego. Entenda como

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

A disputa por um lugar no mercado de trabalho tem aumentado e o tornado mais seletivo. As oportunidades são destinadas aos mais preparados e mais capacitados. Já o tempo disponível para preparação dos profissionais está cada vez menor, exigindo formas de estudos mais dinâmicas e flexíveis.

É neste contexto que surge o ensino a distância, uma forma de estudo que permite ao estudante estudar como e quando quiser. Acompanhe este post e descubra como o EAD tem ampliando as oportunidades de emprego em todo o Brasil.

Especialização EAD e mercado

O modelo de ensino EAD é ágil e moderno. Essa agilidade é a resposta que o mercado precisa para suprir a demanda de mãos de obra qualificada. Empresas em todo o Brasil buscam formas de encontrar profissionais altamente qualificados, mas infelizmente em algumas áreas, como na tecnologia por exemplo, essa dificuldade ainda maior.

Uma pesquisa realizada pelo IPEA mostrou que os jovens representam 54% do total de desempregados no país, sendo a falta de capacitação o grande limitador em processos seletivos. Como o ensino a distância é flexível e barato,  muitas pessoas estão conseguindo melhorar o seu currículo e aproveitar essas oportunidades de uma forma mais rápida.

A necessidade de especialização

Quando um profissional participa de um processo seletivo, fica bem claro que as pessoas mais bem preparadas se destacam no processo. Não somente por sua capacidade de interlocução, quanto pela sua preparação em assumir as atividades propostas pela vaga. A sensação de perda nesta hora é inevitável. Surge nesta hora uma vontade louca de correr atrás do prejuízo e se qualificar de uma forma rápida e eficiente.

Reconhecido pelo MEC

O Ministério da Educação (MEC) apoia e incentiva o ensino a distância. No entanto, para oferecer esta modalidade de ensino, a instituição precisa obedecer a critérios de qualidade exigidos pelo MEC. Antes de escolher uma faculdade para estudar verifique se a instituição possui todos os requisitos necessários para oferecer o ensino. Os certificados e diplomas oferecidos do EAD tem o mesmo valor que os cursos presenciais.

Características do EAD

O maior benefício do EAD é a sua flexibilidade. Desta forma, um profissional que trabalha oito horas por dia, tem seus afazeres em casa com a família, pode estudar em qualquer lugar até mesmo dentro do ônibus.

O preço é outro atrativo a parte, por não precisar de vários professores e uma infraestrutura completa as instituições podem cobrar um preço bem menor do que o praticado por intuições presenciais.

Realidade do ensino EAD

A educação superior a distância cresce no país em ritmo mais acelerado que a educação presencial. Dados do último Censo da Educação Superior mostram que enquanto o ensino presencial teve um crescimento de 2,3% nas matrículas em 2015 em relação a 2014, o ensino a distância teve expansão de 3,9%.

Infelizmente os serviços oferecidos ainda não são ideais. Os alunos reclamam da falta de interação entre as instituições e o aluno. Alguns estudantes se sentem realmente abandonados pela faculdade, ampliando o índice de evasão. Por isso, a escolha pela instituição precisa ser criteriosa.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Um comentário

Deixe um comentário
  • As escolas EAD têm oferecido muitas oportunidades pra pessoas que se quer pensaram em ter uma profissão algum dia.
    Tanto pelo valor que é inferior aos cursos presenciais, pois os custos são relativamente menores, como pela disponibilidade de tempo, que muitas pessoas não tem.
    Na minha família uns 8 pessoas já concluíram o ensino superior a distância, na maioria mães e donas de casa que não tinham tempo.
    E hoje são grandes profissionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Copyright © 2017.