Formação gerencial auxilia a administração escolar. Saiba como.

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Gerenciar uma instituição de ensino é uma tarefa árdua que requer muito mais que boa vontade. Torna-se necessário possuir um conjunto de habilidades e competências para desempenhar um bom papel na função. O gestor educacional precisa ser capaz de elaborar projetos, desenvolver planejamentos, liderar uma equipe de trabalho, saber ouvir, ser justo, acessível, ter habilidades técnicas para setores financeiros, tecnológicos e marketing.

Todas essas habilidades podem ser desenvolvidas com dedicação, foco e persistência. Neste post vamos mostrar como uma boa formação gerencial pode beneficiar na administração escolar e consequentemente no desenvolvimento de um ensino de qualidade.

Despertar de uma liderança

Um bom líder pode influenciar positivamente as pessoas a sua volta, sendo considerado um guia de sucesso para a equipe. Há uma grande diferença entre um chefe e um líder. Um líder impõe a sua vontade, sendo capaz de ouvir para alcançar os melhores resultados.

Para o chefe a sua vontade é sempre perfeita e ao seu subordinado cabe somente obedecer, já o líder pode ouvir e absorver ideias que contribuam com o crescimento da empresa. O líder aproxima as pessoas e divide responsabilidades, sendo visto como um parceiro e não como um concorrente. Embora algumas pessoas já nasçam com o dom de liderança, essa habilidade pode ser perfeitamente desenvolvida. Algumas instituições de ensino desenvolvem cursos de graduação e pós-graduação com disciplinas capazes de realizar este despertar.

Planejamento

Entre ter um objetivo e saber como alcançá-lo há uma distância considerável. Entre uma coisa e outra está o desenvolvimento de um planejamento estruturado focado em resultados. Esta visão deve ser desenvolvida pelas instituições que formam os gestores. O planejamento deve ser visto como um guia para o sucesso, no entanto, torna-se necessário desenvolver todas as ações propostas. Somente um profissional com perfil gerencial sistematizado e organizado consegue tirar o planejamento do papel e transformá-lo em ações efetivas.

Foco em resultados

No dia a dia de trabalho de um gestor educacional aparecem problemas cotidianos e estruturais para serem resolvidos que levam o gestor a buscar soluções urgentes e paliativas. Esta urgência muitas vezes tira a visão do gestor do seu objetivo.

A perda de foco impede a realização de ações efetivas e estruturais capazes de impulsionar as instituições ao crescimento quantitativo. Uma formação gerencial de qualidade pode desenvolver um perfil centralizado, superando ações de caráter urgente para investir em ações estruturais.

Comunidade Escolar

Quando se trata de uma instituição de ensino, o gestor é na verdade um “regente” capaz de harmonizar os interesses e o convívio de toda a comunidade escolar. Os membros da comunidade escolar possuem interesses individuais que devem ser analisados e respeitados. Um bom gestor pode realizar articulações, influenciando a equipe escolar para que os objetivos sejam alcançados.

Instituição de ensino

As instituições de ensino responsáveis pela formação do gestor escolar devem ter em mente que precisam desenvolver um profissional com perfil multidisciplinar capaz de planejar, negociar, promover mediações e resolver conflitos. Além disso, o gestor deve ser capaz de manter as expectativas elevadas e ter uma atuação proativa.

Além de a sua própria liderança, o gestor deve promover o desenvolvimento de lideranças em seus grupos de trabalho, estabelecendo redes de relacionamento profissionais e institucionais. Profissionais da educação que tem interesse em desenvolver o seu perfil gerencial devem investir em instituições preocupadas com este nível de excelência.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Um comentário

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Copyright © 2017.